Todos nós já nos deparamos com outros profissionais pela primeira vez. E esses encontros profissionais podem ser assustadores para alguns.  Como me entrosar com alguém que estou vendo pela primeira vez? O que falar? Como puxar assunto? Mas estou aqui para te ajudar com algumas reflexões do que aprendi ao longo de mais de 25 anos de carreira.

Algumas informações que você precisa saber antes de achar que isso é bobagem. O sucesso para se manter e subir na carreira depende 85% de suas habilidades sociais e 15% do conhecimento técnico, qualificações e certificações. Já ouviu alguma fez alguém dizer que contratou fulano pelo conhecimento técnico e demitiu pelo comportamento? Eu já.

Estabelecer bons relacionamentos nos diversos níveis de interação profissional exige conhecimento e respeito. Nas aulas da pós-graduação eu brinco muito com meus alunos que o melhor amigo deles, deveria ser o “cara da informática”. Faço essa brincadeira, porque a maioria deles são formados em outras áreas do conhecimento, e vivem em atrito com a tecnologia. Refletindo algo que sentem por uma área para as pessoas que atuam nela.

Mesmo para quem você não sente empatia imediata, é possível sim construir uma relação bacana e de resultado. Mas não adianta você gostar de uma pessoa e não obedecer algumas regras básicas da boa convivência. Domine a arte de fazer as pessoas se sentirem bem com você e vice-versa. Torne isso um hábito e não use apenas em situações especiais.

Mas você deve estar se perguntando o que devo fazer nesses encontros? A etiqueta empresarial tem algumas particularidades, então vamos as dicas:

  • Nas apresentações em grupo, começamos pela hierarquia mais alta. Independente do gênero, como nas apresentações sociais. Observe em discursos oficiais, o palestrante sempre cita a pessoa de posição mais elevada primeiro.
  • As pessoas de menor nível hierárquico é que são apresentadas aos de maior nível. Ou seja, Fulano esse é o nosso diretor Sicrano. Complemente com alguma informação que julgar conveniente e que ajude a pessoa a reconhecer a importância da posição.
  • Quando há um cliente no grupo, ele é a pessoa de maior destaque. Nesse caso comece a apresentação por ele. Isso mesmo e você irá apresentá-lo ao presidente da empresa onde trabalha. Então capriche!

Facilite as apresentações para você e os demais, siga a máxima de fazer pelos outros o que gostaria que fizessem por você. Durante as apresentações inclua informações que facilitem o entrosamento entre as pessoas. Pode ser algum hobby, atividade ou interesses comuns. Como por exemplo: Fulana também joga tênis como você Sicrana.  E por favor, independente do gênero, que tal levantar se você estiver sentada. Ajuda no contato visual e gera mais empatia.

Te encontro aqui para mais dicas. Se gostou, recomende o artigo para outros colegas e não deixe de curtir nossos canais nas redes sociais.

Siga-nos no Instagram!


Renata V. Lopes

Atua há mais de 25 anos na área de Tecnologia da Informação com gerenciamento de projetos e equipes multidisciplinares, em grandes empresas como Grupo Gerdau, Lojas Renner, Hewlett-Packard, Rio2016 e Grupo Guanabara. Master coach, leitora compulsiva, blogueira, apaixonada por redes sociais e estudante em constante desenvolvimento, acredita na cooperação, colaboração e compartilhamento do conhecimento como forma de aprendizado.

error: Conteúdo Protegido!
×

Hello!

Click one of our contacts below to chat on WhatsApp

× Posso ajudar?